Rádio Monteiro - Online

Aesa prevê chuva no Litoral e frio no Cariri

João Henrique, prefeita Edna e comitiva participam da convenção do PSDB; fotos

A previsão do tempo para o dia de hoje em boa parte da Paraíba é de possibilidade de chuvas ao longo do dia. De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), o tempo ficará instável desde a região do Litoral, passando pelo Brejo e chegando ao Agreste.
Nas demais regiões, mesmo com a ausência das precipitações, o frio deve ser intenso, principalmente na região do Cariri paraibano, onde os termômetros podem atingir a marca de 17ºC na cidade de Monteiro. Nas áreas onde deve haver chuvas a temperatura varia entre 28ºC e 18°C.
Segundo informou a meteorologista da Aesa, Marle Bandeira, o setor Leste do Estado, onde ficam localizados o Sertão e o Alto Sertão, não estão recebendo chuvas pelo período de precipitações já ter sido registrado até o mês de maio. “No setor Leste há um enfraquecimento do sistema atmosférico, o que não causa chuva. No entanto, verifica-se a presença de nebulosidade do tipo baixa nas demais áreas da Paraíba que estão com maiores possibilidades de chuva”, disse Marle.
Contudo, as chuvas esparsas que são registradas entre o Litoral e o Agreste não estão sendo suficientes para encher os reservatórios de água monitorados pela Agência Executiva.
Dentre os 123 reservatórios averiguados, apenas quatro estão sangrando, enquanto que 32 estão com volume inferior a 20% de sua capacidade. Os que superaram sua capacidade foram: Araçagi, com mais de 63 milhões de metros cúbicos; Conde, com mais de 56 milhões; Mamanguape e Mari, que são menores e possuem respectivamente 470 mil e 868 mil metros cúbicos.
“Essa época não é de chuvas fortes. Na maioria das vezes as pessoas confundem inverno com chuva forte, mas não é bem assim. No inverno a característica é da temperatura cair, e não chover forte para encher os reservatórios. O que estamos vivenciando são temperaturas mais baixas por um longo período, mas é algo que para regiões como o Agreste, por exemplo, isso acaba sendo normal. É bem possível que nos próximos dias o tempo permaneça mais fechado e o frio mais constante”, acrescentou Marle Bandeira.
Apesar das poucas chuvas, os municípios que mais acumularam água nos últimos dias foram Alhandra, Conde e Pedras de Fogo. Desde o dia de São João o acumulado nessas cidades foram: 145,1 mm na primeira, 135 mm na segunda, e 118,2 mm na última. Na cidade de Boqueirão, local do maior manancial da Paraíba, a situação continua crítica com o reservatório com apenas 31% de sua capacidade preenchida.
Dos mais de 411 milhões de metros cúbicos de água, o açude está apenas com pouco mais de 127 milhões. “Podemos dizer que essa é ainda uma situação tranquila para as cidades que são abastecidas pelo açude”, finalizou a meteorologista.

0 comentários:

Postar um comentário