Rádio Monteiro - Online

Detonações de dinamites nas obras da transposição causam danos em Monteiro

As obras da transposição do Rio São Francisco estão avançando cada vez mais no município de Monteiro, consequentemente, provocando alguns danos por conta das detonações de dinamites para abrir canais em locais com roxas e pedras. Monteiro faz parte do Eixo Leste do projeto, que tem 217 quilômetros de extensão.

De acordo com informações repassadas por moradores da cidade, algumas casas estão ficando com rachaduras em suas paredes por conta dos tremores que são causados após as explosões das dinamites. Em uma das residências, localizada na Vila Popular, além das rachaduras, uma casinha de cachorro chegou a cair por conta destes tremores.

Mas as reclamações dos moradores não são apenas com os danos materiais. Segundo eles, o barulho chega a ser estarrecedor, incomodando o sossego de muitos deles. Aqueles que estão tendo suas casas danificadas se organizam para procurar a Justiça e ter os danos reparados.


Sobre a transposição

A transposição do São Francisco segue em execução, com previsão de entrega de um trecho de aproximadamente 40 quilômetros nos próximos meses. As obras tiveram início em 2007, divididas em Eixo Norte — que atende Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba — e Eixo Leste, que abrange áreas não atendidas pelo Eixo Norte na Paraíba e Pernambuco.


0 comentários:

Postar um comentário