Rádio Monteiro - Online

Assaltantes levam pânico a população do Congo, no Cariri


ImageOs constantes assaltos que vêm ocorrendo na cidade do Congo têm deixado a população aflita, uma vez que o destacamento policial não tem conseguido combater a ação dos marginais, o que vem ocorrendo quase que diariamente.

Os assaltantes não perdoam nem a rua da delegacia, e nem a luz do dia diminui a ousadia dos meliantes que praticam assaltos na cidade do Congo no Cariri Paraibano.

Neste sábado (13), por volta do meio dia dois homens em uma moto vermelha Titan, placa PFT 1029, invadiram uma residência na Rua Ministro José Américo, no centro da cidade e, armados renderam uma neta da proprietária da casa e levaram dinheiro, jóias, celular, computador e uma máquina digital.

Os bandidos agem rápido como se estivesse em um filme de ação. Ora encapuzados e bem armados estão sempre de moto para facilitar a fuga. A maioria dos assaltos aconteceu durante a madrugada. A ação é de ladrões jovens: eles destelham casas, sobem em muros, abrem cadeados e portões. Muitos assaltos foram frustrados porque os moradores atiram com revólveres, gritam e até atiram de bacamarte. Em uma das residências que eles não conseguiram levaram nada, voltaram e apedrejaram a casa inteira.

A população do Congo está em pânico pelo tamanho da violência na cidade nos últimos três meses, sem contar com os assaltos na zona rural e nos vizinhos municípios de Caraúbas e no Distrito de Barreiras de Caraúbas.

Não há registro de prisões de nenhum responsável pelos assaltos. Há dois policiais de plantão na cidade que é fronteira com o Estado de Pernambuco, mas têm dias que é somente um, e o delegado que atua na cidade não é exclusivo, ele é responsável por três cidades: Congo, Sumé e Amparo.

Jacquelline Oliveira

0 comentários:

Postar um comentário