Rádio Monteiro - Online

Colunista nacional critica governador Ricardo Coutinho e diz que Paraíba é uma terra do atraso

Colunista
O jornalista Cláudio Humberto destacou em sua coluna de hoje que o governador da Paraíba ao proibir máquinas portáteis nos restaurantes e bares, transformou a Paraíba em um estado mais atrasado do Brasil, em se tratando de tecnologia.
TEU NOME É ATRASO 
“O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), corre para o abraço com o atraso: proibiu máquinas portáteis de cartão de crédito. Nos restaurantes, a partir do dia 1º, contas só serão pagas no balcão, para “evitar fraudes”. Em vez de qualificar a fiscalização, ele pune o cidadão..” Disse Cláudio Humberto.
Em junho deste ano o ClickPB denunciu com exclusividade a portaria que determinou a obrigatoriedade de uso de ECF (Emissor de Cupom Fiscal ) vedando a utilização de equipamentos eletrônicos POS (Point of Sale ou Point of Service ) que são levados as mesas dos clientes na hora de efetuarem o pagamento das contas. Ou seja, qualquer estabelecimento que efetue, por meio de equipamento eletrônico, transações com cartões de crédito ou débito deverão emitir o respectivo comprovante da transação realizada vinculado ao cupom fiscal, ambos através do ECF. Trocando em miúdos, o pagamento das contas em todos esses estabelecimentos a partir de 1º de setembro só poderão ser efetuados nos caixas, gerando filas e incômodos.
Para o presidente da Abrasel-PB (Associação Brasileira de bares e Restaurantes – PB), Marcos Mozzini, essa medida é um retrocesso tecnológico que fará a Paraíba andar para trás. “Conversei ontem com o Secretário da Receita e demonstrei nossa preocupação com essa medida. Se a Receita quer coibir o uso da sonegação fiscal, nós apoiamos. Agora não podemos concordar com uma medida que acarretará mais despesas para este setor que somente com a Lei Seca perdeu mais de 30% do faturamento. Tenho certeza que o governador da Paraíba vai voltar atrás desta medida arbitrária.
O governo (Receita Estadual) sabe do nosso faturamento, pois é informado de todos os recebimentos efetuados nos Caixas através uso de ECF (Emissor de Cupom Fiscal), quanto nas mesas com equipamentos eletrônicos POS (Point of Sale ou Point of Service). Sonegadores devem ir para cadeia, agora os empresários e microempresários que vivem sacrificados neste setor não podem arcar com mais custos com essa medida que é um retrocesso digital” desabafou o presidente da Abrasel, Marcos Mozzini.

0 comentários:

Postar um comentário