Rádio Monteiro - Online

Bebê de um ano é internada com traumatismo craniano após padrasto jogá-la ao chão em Camalaú

Um homem de 21 anos de idade foi preso suspeito de agredir a enteada, de apenas um ano e três meses de idade, durante uma discussão com a esposa, no município de Camalaú, no Agreste paraibano, a 287 km de João Pessoa. A criança teria sido jogada pelo suspeito contra o chão e sofrido traumatismo craniano.

Segundo a Polícia Civil em Monteiro, o homem teria chegado em casa embriagado e iniciou uma discussão, que terminou com agressão contra a sua esposa.

Vendo a confusão, a avó da menina foi até a casa e tentou levar a criança embora, mas teria sido perseguida pelo rapaz, que tomou a menina dos braços da avó, jogando a criança no chão.

Feridas, mãe e filha foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma em Campina Grande. A mulher recebeu atendimentos e foi liberada, mas a criança está internada, sedada e com traumatismo craniano, com estado de saúde considerado como “comprometido”, segundo o Trauma.

“A mãe da criança nos conta que o rapaz a agrediu e perseguiu a avó da menina, tomando a bebezinha dos braços dela e jogando a criança contra o chão. Ela está com traumatismo craniano, segue sedada e vamos aguardar a evolução do quadro”, contou um funcionário do Trauma.

Preso após o crime, o rapaz foi encaminhado para a Polícia Civil em Monteiro e, posteriormente, levado para a Cadeia Público de Monteiro, onde está a disposição da Justiça.

0 comentários:

Postar um comentário