Rádio Monteiro - Online

É HOJE ! Segunda edição do Mont Rock Festival em Monteiro

Hoje 11 de junho, a partir das 20h, a segunda edição do Mont Rock Festival , na praça de alimentação do Parque das Águas, em Monteiro,com apresentação de Geovan Morais (JP) – Robson Araújo(Monteiro ( PB) – Leão Azul (Sumé ( PB ).

O evento, que não tem fins lucrativos, é organizado por remanescentes do Movimento Cultural de Monteiro (grupo que movimentou a cultura da região nos anos 90).

O PIPOCO

As bandas

GEOVAN MORAIS


GEOVAN CORDEIRO DE MORAIS é cantor e compositor. Nascido em João Pessoa em 30/04/1977, graduou-se em Direito pela UFPB; exerceu o cargo de Oficial de Justiça no TJCE e atualmente exerce cargo homônimo no TJPB há exatos 13 (treze) anos, bem como ministrou aulas de Direito Constitucional em cursinhos preparatórios para concurso na capital paraibana por quatro anos.
Em 2005, procedeu uma mudança radical em sua vida profissional, passando efetivamente a trabalhar na noite pessoense como músico no circuito musical de bares e restaurantes e, consequentemente, em hotéis do litoral sul da Paraíba (Praia de Jacumã), apresentando suas composições calcadas em ritmos variados.
Um avanço profissional na carreira artística aconteceu nos anos de 2009 e 2010 quando Geovan Morais viajou por duas oportunidades à Suécia para apresentações em hotéis e pubs nas cidades de FALKENBERG (Restaurant Hertigen ), VARBERG (Bodegan Musik Night Club e Festa do Cadillac), ESTOCOLMO (Hotel Hellsten), UPPSALA (Restaurante Hijazz) e MOTALA (Restaurante Bersget Bild), executando a genuína música brasileira e, principalmente, seu trabalho autoral.
Geovan Morais, no mesmo ano de 2009, iniciou a gravação de seu primeiro cd intitulado GEOVAN MORAIS-UM, lançado em 2013, o disco contém 12 (doze) composições próprias, cuja produção musical fora conduzida p LEONARDO MEIRA (produtor, guitarrista, arranjador e professor da UFPB), com a contribuição de nomes como o baterista GLEDSON MEIRA, o tecladista HÉLIO MEDEIROS, o baixista ADRIANO ISMAEL, o saxofonista HELENO FEITOSA COSTINHA , o flautista RENAN RESENDE, todos deveras reconhecidos como grandes instrumentistas de nível nacional e internacional, além de outros músicos.
Em setembro de 2012, após ser convidado por entidades suecas para apresentações e oficinas de música, na Suécia, durante todo o mês de setembro de 2012, Geovan Morais e seus músicos realizaram várias apresentações e oficinas de música, no que obtiveram certificados das instituições de ensino, bem como foram matéria de capa de jornais suecos que registraram o sucesso da atuação dos artistas paraibanos naquele país.
Em uma dessas apresentações, na cidade de Estocolmo, Geovan Morais e seus músicos foram prestigiados e tiveram a honra da presença de membros da Embaixada do Brasil na Suécia, como as senhoras Célia Baptista e Mônica Goldschimdt (setor cultural). Com o sucesso da performance, Geovan Morais fora convidado para participar do evento BRAZILIAN DAY 2013 (4ª edição) que aconteceu no dia 10 de agosto de 2013 (vide YOUTUBE GEOVAN MORAIS BRAZILIAN DAY) O evento atraiu mais de 10.000 pessoas e já faz parte da programação cultural de Estocolmo, divulgando o melhor da cultura brasileira.
Agora, GEOVAN MORAIS vem retomando a carreira com apresentação de dois projetos: um autoral, com vinte músicas, das quais trezes são novas e irão o compor o segundo cd do artista. Acompanhado dos músicos Jorge Negão (baixo), Erick Xavier (guitarra) e Gílson Machado (bateria); e outro projeto denominado TOCA RAUL no qual Geovan Morais interpreta músicas do rockeiro baiano que é uma influência marcante na formação da música popular brasileira, o que não seria diferente na formação de Geovan Morais. O show TOCA RAUL apresenta clássicos do maluco beleza, além de música lado B e que compõem o ecletismo de sua obra, e é esse show que ele apresentará no MONT ROCK FESTIVAL, em Monteiro-PB no próximo dia 11 de junho de 2016, às 20 horas na Praça de alimentação do Parque das águas.

Robson Araújo

Robson Araújo nasceu em Monteiro, mas ainda criança, em 1993, mudou-se com a família para São Paulo, a influência musical já vem de berço! A família sempre teve contato com a música, despertou o interesse musical aos 7 anos quando começou a tocar com seu pai na igreja e em eventos religiosos.
Ganhou seu primeiro instrumento, uma panderola, e logo depois seu pai começou a passar os primeiros acorde de guitarra, quando passou a se interessar mais ainda pelo assunto. Quando voltou para cidade de Monteiro estudou mais 6 meses os ritmos e a cultura musical da região, aos 14 anos já tocava nas bandas de forro da região e aos 15 anos começou a ministrar aulas de violão, guitarra e contra baixo, fundando em monteiro a Escola de Música, a Araújo Studio, que nos dias atuais já dispõe de aulas de bateria, teclado, baixo, ukulele, guitarra e violão, e ainda um Estúdio para gravações e ensaios.
Fez carreira musical em inúmeras bandas, tocando guitarra e violão e produzindo várias delas, hoje se concentra mais na Escola de Musica Araújo Studio e no Projeto Candeeiro, com quem vem se apresentando em vários eventos culturais. O guitarrista Robson Araújo prepara para o Mont Rock Festival uma apresentação de música instrumental com diversos singles do Rock, de bandas como Angra, Iron Maiden, AC/DC e algumas surpresas que combinam elementos do rock com os ritmos regionais.

LEÃO AZUL

Idealizada em 2015 com o propósito de unir música de qualidade à diversão, o grupo musical Leão Azul se inicia na cidade de Sumé – PB, com a seguinte formação: Aline Tavares (contra-baixo); Marcos Felype (guitarra base); Lucas Santos (guitarra solo); Adailton Júnior (bateria) e Talita Cristina (vocais).
Tendo como influências o Rock N’ Roll, o Hard Rock e as ideias e letras críticas que o RockNacional, ou mesmo a música brasileira em si já produziu. É justamente com esse propósito social, junto aos ideais inerentes dos integrantes do grupo, que o nome é pensado, até que se chega à um mito grego de leão que morreu lutando por justiça (a íntegra do mito se encontra na página do Facebook da banda); e então tal ser mitológico passa a dar nome à banda.
A banda objetiva ser um grupo musical autoral; todavia, até chegar em seu objetivo, mescla covers relevantes e clássicos as músicas de autoria própria. A formação atual da banda se mantém a mesma, exceto pelos vocais, que agora são assumidos por Johnny Rodrigues.
O Leão Azul promete rugir forte e colocar a galera para dançar ao som de muito Rock nacional no MONT ROCK FESTIVAL 2016, repetindo o sucesso das apresentaçoes que fez no último Emocap e no SECAS.

0 comentários:

Postar um comentário